top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Canais energéticos: a relação entre nadis e meridianos

Os nadis e meridianos vem de tradições diferentes mas a ideia central é semelhante: ambos descrevem canais de energia no corpo humano que podem ser desobstruídos para promover o equilíbrio e o bem-estar.


Chakras, Nadis e Meridianos
Chakras, Nadis e Meridianos

Na tradição do Yoga, que tem origem indiana, os nadis são canais sutis de energia encontrados no corpo humano. São descritos como canais através dos quais a energia vital, ou prana, flui. Existem três principais nadis, chamados de Sushumna, Ida e Pingala, que se originam na base da coluna vertebral e se ramificam por todo o corpo. A prática de yoga visa desobstruir esses canais para permitir que a energia flua livremente, trazendo equilíbrio e bem-estar para o corpo e a mente.


Enquanto no Yoga, o prana se move através de caminhos de energia chamados Nadis, na tradição chinesa, o Qi ou Chi se move através de uma rede de vias de energia chamada "Jing-luo", que conecta e envolve todos os tecidos e células. As palavras Jing e Luo significam "passar" e "aquilo que se conecta", respectivamente. A palavra significa "canais", mas a maioria das pessoas a chama de "Meridianos".


A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) é baseada na tradição taoísta, que diz que existem 12 meridianos principais, 8 meridianos menores e muitos meridianos colaterais. Este sistema de meridianos pode ser usado para mapear os pontos de acupuntura da MTC. A acupuntura é uma das técnicas mais usadas para desobstruir esses canais e restaurar o equilíbrio e a saúde do corpo.


Já no Yoga e na tradição indiana, cada chakra está associado a uma cor, um elemento e uma função fisiológica ou emocional específica. Quando a energia flui livremente através dos nadis e chakras, acredita-se que o corpo e a mente sejam equilibrados e saudáveis.

A prática de yoga visa desobstruir os nadis e ativar os chakras, através de posturas (asanas), exercícios respiratórios (pranayamas), meditação e outros elementos da prática. Ao equilibrar os nadis e chakras, a prática de yoga pode ajudar a reduzir o estresse, melhorar a saúde física e mental, aumentar a consciência e a conexão espiritual.


No yoga, os chakras são vistos como os lugares mais importantes para a energia, mas no modelo taoísta, nossos órgãos internos são vistos como os lugares mais importantes para o armazenamento e distribuição de energia.


Abaixo, veremos cada meridiano, as emoções que o acompanham e as poses de Yin Yoga que podem ser usadas para direcioná-lo. Ao adicioná-los à nossa prática de yoga, podemos ajudar a manter nossa energia e emoções em equilíbrio.


Estômago/Baço

  • Elemento: Terra

  • Função: Reservatório para comida e água, alimenta o resto dos órgãos.

  • Emoção: Preocupação, ansiedade e pensamento excessivo.

  • Sinais de desarmonia: Quando desequilibrado, o Qi do Baço-Estômago tende a trazer desproporção em nossas interações com o mundo exterior. Isso pode se manifestar como uma necessidade excessiva de aprovação, ansiedade e nervosismo.

  • Postura Yin Yoga: Balasana, Anjaneyasana, Upavistha Konasana, Anahatasana, Supta Virasana e Kapotasana.

Fígado/Vesícula Biliar

  • Elemento: Madeira

  • Função: Armazena sangue, regula o fluxo de Qi, sede da nossa alma.

  • Emoção: Raiva e bondade

  • Sinais de desarmonia: Quando o Qi do Fígado/Vesícula Biliar está desequilibrado, pode ocorrer frustração e defensiva; ou podemos nos sentir paralisados e incapazes de nos defender. Tendemos a tomar decisões precipitadas e impulsivas. Pequenos aborrecimentos podem se tornar fúrias imponentes.

  • Posturas Yin Yoga: bananasana, Baddha Konasana, Anjaneyasana, Upavistha Konasana, Mandukasana, Bhujangasana, Gomukhasana, Kapotasana.

Rim/Bexiga Urinária

  • Elemento: Água

  • Função: Regula o volume de água, coordena a respiração e armazena Jing: nossa essência.

  • Emoção: Medo e sabedoria

  • Sinais de desarmonia: Quando o nosso chi da bexiga rim/urina está desequilibrado, agarramo-nos a coisas e pessoas, incapazes de deixar ir. À medida que paramos de confiar nas pessoas ao nosso redor, também nos falta confiança em nós mesmos.

  • Posturas Yin Yoga: Baddha Konasana, Balasana, Pachimottanasana, Uttanasana, Halasana, Matsyendrasana e Malasana.

Coração/intestino delgado

  • Elemento: Fogo

  • Função: Circulação sanguínea e funções mentais.

  • Emoção: Felicidade e amor

  • Sinais de desarmonia: Quando o Qi do Coração/Intestino Delgado está desequilibrado, podem ocorrer sentimentos de tristeza, desespero ou depressão.

  • Posturas Yin Yoga: Bananasana, Anahatasana e Torção Reclinada

Pulmões/Intestino Grosso

  • Elemento: Metal

  • Função: Controla a respiração regula o fluxo de água.

  • Emoção: Tristeza / luto e senso de beleza

  • Sinais de desarmonia: Quando o Qi dos pulmões / intestino grosso está desequilibrado, tendemos a sentir tristeza associada a uma sensação de perda. Incapaz de expressar nossa dor, um ciclo vicioso pode ocorrer.

  • Posturas Yin Yoga: Chakrasana, Ustrasana, e Torção Reclinada.

San Jiao

O meridiano de San Jiao descreve uma função mais do que um órgão. Geralmente não está ligado a uma emoção em particular.

Às vezes chamado de Triplo Aquecedor, sua função está relacionada à ingestão, transformação e eliminação.


Pericárdio

O meridiano do pericárdio, também chamado de "Constritor do Coração", relaciona-se com a função da circulação e protege o coração. Geralmente não está ligado a uma emoção em particular.

891 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page