top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

3 passos para praticar Mindfulness (atenção plena).

Atualizado: 3 de nov. de 2021

Mindfulness tem suas origens nas técnicas de meditação budistas. Em meados dos anos 70, Jon Kabat-Zinn, professor da Universidade de Massachusetts, trouxe o conceito da atenção plena do Oriente para o Ocidente e a prática de popularizou.


A atenção plena pode ser praticada individualmente ou como parte de um grupo durante um retiro. Na verdade, a atenção plena é tão fácil que você pode praticá-la em qualquer lugar!



Somos constantemente estimulados e entretidos o dia todo. Raramente nos damos tempo para descansar, relaxar e sentar em silêncio. Junto com todas as decisões que tomamos todos os dias, nossas "mentes de macaco" estão ruminando sobre eventos passados e planejando sobre o futuro, possivelmente ficando preocupados e ansiosos.


Como Lao Tzu disse uma vez:


"Se você está deprimido, você está vivendo no passado. Se você está ansioso, você está vivendo no futuro. Se você está em paz, você está vivendo no presente.


Para ter mais clareza mental e diminuir o estresse e a ansiedade, apresento 3 passos para praticar Mindfulness (atenção plena).


1. Observe.


Nos próximos dias, tome conhecimento do que está em sua mente. Algumas vezes durante o dia (coloque um temporizador ou escreva uma nota), basta fazer uma pausa para notar se você está neste momento presente ou se você tem pensamentos aleatórios correndo em torno de sua cabeça.


Observe seus pensamentos: Você pode encontrar-se elaborando conversas, elaborando e-mails, planejando o jantar, organizando planos de aula ou se preocupando com seus familiares.


2. Fique curioso.


Em seguida, fique curioso sobre o impacto desses pensamentos correndo em torno de sua cabeça. Que sentimentos esses pensamentos sobre o passado ou o futuro trazem em você? Quando você não está realmente prestando atenção, que efeito isso tem nas pessoas ao seu redor?


Por exemplo, eu acho que quando estou no modo "mente macaco", eu costumo esbarrar em coisas ou largar coisas. Quando estou correndo, meu estômago está tenso e ansioso.


Fique curioso sobre seus pensamentos: Você experimenta indigestão porque não está dando tempo e espaço para comer corretamente? Você tem uma dor de cabeça com todos os pensamentos estressantes em sua mente? Você se sente sobrecarregado com todas as coisas que você tem que fazer?


3. Se permita


Agora, em vez de falar sobre o que é atenção plena, vamos nos concentrar no que não é. Você tem observado e ficado curioso sobre os pensamentos correndo em torno de sua mente e o impacto desses pensamentos que o levam para longe do aqui e agora.


Por exemplo, quando você está tomando banho, observe todos os pensamentos, ideias e memórias que você tem nesses poucos minutos. Entregue-se a esses pensamentos ruminantes. Abraça-os. Ouça seus pensamentos. Então faça uma pausa. Respire fundo. Se permita flagrar-se desatento. isso se chama metacognição. Ou seja, ter consciência da falta de consciência. Quanto maior nossa metacognição, maior a nossa capacidade de perceber conscientemente o que acontece em nosso interior e exterior ao mesmo tempo, sem nos deixar arrastar pelos pensamentos e sensações que estamos observando.


Esse é o presente de viver aqui, agora neste momento presente — isso é atenção plena.

91 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

2 Comments


roberto.borja55
May 03, 2021

A atenção plena é tudo de bom. Significa que a pessoa entrou numa dimensão (estado) onde o tempo não existe.

Like
Nathalia Morgana
Nathalia Morgana
May 12, 2021
Replying to

Exatamente, Roberto. A técnica de atenção plena, assim como outras técnicas de meditação ajudam a expandir a consciência e viver de forma mais plena e consciente.

Like
bottom of page