top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Asana: Vrksasana - postura da árvore

Esse é um dos primeiras asanas que qualquer Yogi aprende. Parece bastante simples, mas é uma postura fisicamente desafiadora para os quadris, tornozelos e pés. Vrksasana, postura da árvore é uma postura de equilíbrio que pode ajudar na construção da força nos pés e pernas, bem como ajudar a melhorar o foco e reduzir o estresse. No entanto, seu propósito vai muito mais além do que isso.


Vrksasana, é uma postura que é praticada para que possamos refletir sobre o que significa equilíbrio: Um estado em que forças ou influências opostas são equilibradas.

Imitamos a grandiosidade das árvores para experimentar esse equilíbrio; equilibrando-se entre as forças opostas de crescer para o alto alto enquanto aprofundamos as raízes na terra. Quanto mais profundas as raízes, maior a árvore. Quanto mais aterramos nosso corpo em direção à gravidade, a mesma força nos empurra para cima.



Sendo uma postura de equilíbrio, Vriksasana exige que se mantenha o foco no momento presente. A estabilidade da postura pode mudar muito conforme o dia pois depende de vários fatores emocionais, como seu humor, a quantidade de sono que teve, as interações que aconteceram logo antes da prática e até da alimentação.


Benefícios holísticos:

Um dos benefícios holísticos é o aterramento. É uma postura que te lembra de enraizar-se no momento presente se você estiver tendo uma semana turbulenta. Cria paz em sua mente e em seu corpo, e é uma maneira maravilhosa de desacelerar quando a vida fica esmagadora.


Benefícios mentais:

Por desenvolver o foco no momento presente, a postura tem o poder de acalmar a mente, aliviar ansiedade, depressão e estresse. Quando a mente está calma, a pessoa é capaz de viver em paz.


Benefícios físicos:

Aprender a equilibrar muitas vezes tem mais a ver com seu estado mental do que com suas habilidades físicas, mas fisicamente a postura da árvore desenvolve a coordenação motora e alivia dores no ciático.


Basta algumas respirações na postura da Árvore para que você sinta um alívio na ansiedade e no estresse.

Desafios:

Se você está estressado, ou se sua mente está dispersa, seu corpo provavelmente também estará instável. Se tivemos um dia agitado, em que aconteceram coisas que criem um fluxo intenso de pensamentos, não conseguimos permanecer nas posturas com tranquilidade e por longo tempo. Porém, é justamente nestes dias que devemos praticá-las. Com muito carinho e respeito pelo corpo, respeitando nossos limites e buscando paz e concentração.


Faça em qualquer hora do dia, mas fazê-la logo de manhã vai te ajudar a aprofundar sua capacidade de se concentrar pelo resto do seu dia.

Lição para a vida:

Quando você pratica posturas de equilíbrio, aprende algumas lições práticas sobre como se ancorar, encontrar seu centro, manter o foco e firmar sua mente. Além disso, o processo - cair e tentar de novo - ajuda a desenvolver paciência e persistência, humildade e bom humor.


Uma árvore dá sombra até ao lenhador que está cortando a árvore. Os Yogis devem praticar a tolerância e tranquilidade: a árvore nos oferece livremente sombra, flores, frutas e madeira. Da mesma maneira, um Yogi é encorajado a desenvolver amizade (Maitri) e compaixão (Karuna) a todos os seres vivos, conforme mencionado nos Yoga Sutras de Patanjali.


Como disse Jung: “Qualquer árvore que queira tocar os céus, precisa ter raízes tão profundas ao ponto de tocar os infernos”. Ou seja, quando as pessoas aceitarem as sombras do mesmo modo que aceitam a luz, certamente a hostilidade, o ressentimento, a depressão e toda negatividade serão coisas do passado.





912 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page