top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Como praticar Chandra Namaskar

A maioria dos praticantes de Yoga estão familiarizados com as Saudações ao Sol, mas existe sua contraparte menos conhecida, a Saudação à Lua. Conhecida como Chandra Namaskar em sânscrito, as Saudações à Lua têm um efeito refrescante e relaxante no corpo e na mente.

A sequência de posturas Chandra Namaskar é inspirada na antiga tradição onde a lua era reverenciada como uma divindade. Acreditava-se que Lord Chandra, o deus da lua, cavalgava sua carruagem (a lua) pelo céu todas as noites, puxada por dez cavalos brancos ou um antílope. Ele também foi associado à noite, plantas e fertilidade.


Na astrologia védica, a lua representa o cérebro e a mente, as emoções, a sensibilidade, a suavidade e a imaginação. Ele incorpora a energia criativa feminina do universo. Até hoje, muitas pessoas acreditam que a lua tem uma grande influência sobre como pensamos ou sentimos.


Para honrar o poder da lua, você pode praticar Chandra Namaskar. A sequência contém quatorze posturas que se relacionam com as quatorze fases lunares. Combina a prática postural com pranayama, mantra e técnicas de consciência. Como resultado, as Saudações à Lua não são apenas benéficas para o seu corpo físico, mas também para a sua mente e alma. As posturas ajudam você a liberar e expandir – dois grandes temas cósmicos da lua cheia.


Quando praticar Chandra Namaskar

As Saudações à Lua são melhor praticadas ao entardecer ou à noite, especialmente quando a lua está visível. Como todas as posturas de yoga, Chandra Namaskar só deve ser realizada com o estômago vazio. Se praticar à noite, espere pelo menos três a quatro horas após a última refeição.


Você também pode praticar Saudações à Lua ao amanhecer na época da lua cheia. Enquanto a tradição Ashtanga Vinyasa aconselha os praticantes a se absterem de Yoga durante a lua cheia, outras linhagens não têm essas regras. Pelo contrário, praticar Yoga durante a lua cheia ajuda os praticantes a liberar o que não lhes serve mais e plantar sementes de intenção para a chegada da lua nova. Para honrar os ritmos da natureza, você pode optar por uma sequência mais suave – como um Chandra Namaskar lento.


Como Praticar Chandra Namaskar

A Saudação à Lua tem uma postura chamada Anjaneyasana que significa postura da Lua Crescente, que simboliza a abertura, expansão e receptividade. Também altera o padrão respiratório na sequência, prolongando a inspiração e a expiração. Portanto, é recomendável aprender primeiro a Saudação ao Sol. Assim que estiver familiarizado com a sequência, você pode retornar a esta prática.

Enquanto Chandra Namaskar está esfriando e ativando a energia lunar, Surya Namaskar está aquecendo e ativando a energia solar interna.

Você pode se surpreender ao saber que não são necessariamente os movimentos específicos que dão à sequência seus efeitos específicos, é a intenção com a qual você pratica. Portanto, ao fazer as Saudações à Lua, tente desacelerar e suavizar. Evite força ou intensidade excessiva e, em vez disso, concentre-se nos movimentos sutis. Permita que a prática traga à tona as qualidades lunares de calma, entrega e reflexão. Você logo notará como sua energia e humor podem mudar dependendo de sua intenção.


Para apoiar esse processo, você também pode fazer uma visualização rápida no início de sua prática: Concentre-se no espaço entre as sobrancelhas. Dentro deste espaço, visualize a lua cheia brilhando em um céu noturno claro. Ele brilha intensamente sobre o oceano. Veja o reflexo do luar fresco dançando nas ondas. Observe as sensações e sentimentos que esta imagem cria em seu corpo.


Sequência Chandra Namaskar

Muitas sequências diferentes são conhecidas como Chandra Namaskar, esta é apenas uma das muitas variações.


1- Pranamasana (postura da oração)

Comece em pé com os pés firmemente enraizados na terra, os dedões dos pés se tocando e os calcanhares ligeiramente afastados. Incline suavemente o cóccix para baixo, alongue a coluna e gire os ombros para trás. Junte as mãos na frente do peito e olhe para a ponta dos dedos para cultivar a humildade e a consciência do centro do coração.

Chakra: Anahata Chakra

Mantra: Om Kameshvaryai Namaha

Significado: Saudações a quem realiza desejos.


2- Hasta Utthanasana (postura dos braços erguidos)

Inspire e levante os braços acima da cabeça. Seu olhar segue seus dedos. Arqueie suavemente as costas, incline a pélvis para a frente e continue pressionando os calcanhares no chão. Incline-se para trás apenas o quanto for confortável para você. Esteja especialmente atento à parte inferior das costas. Concentre-se na abertura da parte superior do corpo - o alongamento da barriga e a expansão dos pulmões.

Chakra: Vishuddhi Chakra

Mantra: Om Bhagamalinyai Namaha

Significado: Saudações a quem usa a guirlanda da prosperidade.


3- Chakrasana (postura da roda)

Expire e incline-se para alateral. Enfatize a lateralização da coluna. Inspire expandindo as costelas. Mantenha a parte inferior da barriga puxada para dentro e para cima para proteger a parte inferior das costas. Concentre-se nas sensações dos movimentos respiratórios sentindo o pulmão abrir espaços entre as costelas.

Chakra: Svadhisthana Chakra

Mantra: Om Nityaklinnayai Namaha

Significado: Saudações a quem é sempre compassivo.


4- Utkata Konasana (Postura da Deusa)

Afaste os pés, dedos apontando ligeiramente para fora. Suavize os joelhos e agache, mantendo os joelhos alinhados com os tornozelos e as costas retas. Os braços dobram nos cotovelos em um ângulo de 90 graus, mãos com as palmas voltadas para frente e os dedos bem abertos.

Chakra: Ajna Chakra

Mantra: Om Bherundayai Namaha

Significado: Saudações a quem é feroz.


5- Trikonasana (Postura do Triângulo)

Inspire, vire os dois pés para a direita, braços estendidos e paralelos ao chão. Expire, estique a perna direita. Abaixe a mão direita até o tornozelo ou canela e estenda o braço esquerdo para o céu. Inspire e gire o peito para o céu.

Chakra: Vishuddhi Chakra

Mantra: Om Vahnivasinyai Namaha

Significado: Saudações a quem reside no fogo.


6- Parsvottonasana (Postura da Pirâmide)

Leve o braço esquerdo para baixo para enquadrar o pé direito com a mão direita, gire ainda mais o pé de trás para frente e vire os dois quadris para a frente para inclinar o tronco sobre a perna direita (reta).

Chakra: Vidhuddhi Chakra

Mantra: Om Vajreshvaryai Namaha

Significado: Saudações a quem possui vajra, o raio, e é adornado com ornamentos de diamante.


7- Anjaneyasana (Postura da Lua Crescente)

Dobre o joelho direito para entrar na posição de estocada. Certifique-se de que o joelho fique alinhado com o tornozelo. Joelho esquerdo toca o chão.

Chakra: Manipura Chakra

Mantra: Om Dutyai Namaha

Significado: Saudações àquele cujo mensageiro é Shiva.


8- Skandasana (Agachamento de pernas largas)

Leve as duas mãos ao chão até o dedão do pé direito. Gire para dentro a bola do pé direito e gire o corpo para a frente do tapete. A perna esquerda está estendida, os dedos apontam para o teto. Se o seu equilíbrio permitir, junte as mãos em Anjuli Mudra ou mantenha as mãos apoiadas no chão.

Chakra: Svadhisthana Chakra

Mantra: Om Tvaritayai Namaha

Significado: Saudações a quem é rápido.


  • Neste ponto, viramos para a perna esquerda e 'rebobinamos' as posturas que já fizemos.


Ao final de sua prática, descanse alguns minutos em Savasana. Esse relaxamento final permite que o batimento cardíaco e a respiração desacelerem, os músculos relaxem e o corpo e a mente integrem os efeitos da prática.


Benefícios de Chandra Namaskar

Chandra Namaskar é uma ótima prática com muitos benefícios. Fisicamente, relaxa músculos e articulações rígidos. Além disso, tonifica e massageia os órgãos internos, o que pode melhorar a digestão e ajudar a desintoxicar o corpo. A prática desenvolve flexibilidade, força, resistência e coordenação do corpo e da mente. Equilibra todos os sistemas do corpo, como os sistemas circulatório, respiratório, digestivo, reprodutivo e endócrino.


Em um nível mais sutil, Chandra Namaskar acalma a mente, desenvolve a criatividade e cultiva o equilíbrio interno. Regula ida nadi, o canal de energia lunar. Por outro lado, a prática da Saudação ao Sol regula o pingala nadi, o canal de energia solar. Quando as energias solar e lunar estão equilibradas, a energia da força vital (prana ) flui para o canal de energia central e sobe, levando a uma expansão da consciência. Este é um dos principais objetivos do Hatha Yoga. Na verdade, muitas pessoas acreditam que HA representa o sol, enquanto THA representa a lua.

225 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 comentário


jesoniasvb
06 de jan. de 2023

Muito instrutivo e esclarecedor. Realmente relaxa o corpo e a mente.

Curtir
bottom of page