top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Como sincronizar yoga com as fases da Lua

Yoga é uma prática milenar que pode ir muito além de uma atividade físico. Uma maneira de aprofundar sua prática de Yoga é sincronizar com as fases da lua. A tradição do yoga está cheia de práticas, ensinamentos e conhecimentos relacionados à lua. Muitas posturas de Yoga se alinham com as fases lunares.


De acordo com a tradição Ashtanga, a prática física muda idealmente ao longo do ciclo lunar para sincronizar efetivamente o corpo e a mente com os ritmos naturais.


Como o yoga está ligado à lua?

Hatha yoga é um dos tipos mais comuns de prática de yoga. A palavra “hatha” pode ser traduzida do sânscrito para “sol” (ha) e “lua” (tha). Esta interpretação da prática do Hatha Yoga aponta para a ideia de que o Yoga pode equilibrar as energias polares dentro de nós. A energia solar ardente e ativa é chamada de “masculina”, enquanto a energia pacífica e reflexiva da lua é vista como “feminina”.


É importante notar que os termos “masculino” e “feminino” neste caso não se referem ao sexo biológico ou gênero, mas às energias complementares que existem em cada pessoa, independente de sexo e gênero. Isso reflete o conceito de yin e yang na medicina tradicional chinesa.


Vinculando sua prática ao ciclo lunar

Honrar as fases da lua é uma parte antiga do yoga que muitos praticantes continuam hoje. Existe um ciclo natural de vida. Ao sintonizar com os ritmos dos ciclos naturais, como o ciclo lunar, estamos tentando acessar a inteligência interna, da qual o ciclo se origina. Yoga é sobre auto-realização e, quando nos conectamos aos ciclos lunares, sintonizamos nossa verdadeira natureza. O ciclo lunar pode ter influências reais em nossos níveis de energia, embora as evidências científicas sejam confusas. Assim como a atração gravitacional da lua afeta as marés, também afeta o corpo humano, que é 60% água.



Tornar-se mais sintonizado com as diferentes fases da lua pode realmente te ajudar a entender suas emoções e expandir sua prática. Em outras palavras, mudar nossa prática de Yoga para sincronizar com nossa energia à medida que ela muda ao longo do ciclo lunar pode nos ajudar a nos entender melhor em relação ao mundo natural.


O que a ciência diz?

Cientificamente, o ciclo lunar refere-se às oito fases da lua vistas da Terra. A forma visível da lua muda à medida que orbita em torno da Terra aproximadamente a cada 27 dias e é atingida por mais ou menos raios do Sol. De acordo com alguns estudos, pode haver uma correlação entre a lua e a fisiologia do corpo humano.


Um estudo de 2013 em seres humanos do sexo masculino descobriram que sua frequência cardíaca e pressão arterial eram mais baixas durante a lua cheia e a lua nova.


Um outro estudo de 2021 encontrou uma ligação entre a fase lunar e o sono. Embora a ciência não tenha entrado em um consenso, vincular sua prática com a lua ainda pode ser uma maneira significativa de honrar a lua e seu mistério.


Dicas para praticar em sincronia com a lua


1 -Lua Nova

A lua nova é um momento de mudança e renovação. Isso faz com que seja um bom momento para limpar o espaço para plantar sementes para o próximo ciclo criativo. Na prática do Ashtanga, os Yogis se abstêm de praticar no dia da lua nova. Em outras tradições, uma prática yin restauradora ou suave é preferida.


Como praticar durante a lua nova:

  • Concentre-se em estabelecer intenções para o próximo ciclo lunar.

  • Mantenha sua prática lenta e meditativa.

  • Concentre-se em mudar sua perspectiva e visualizar novos começos.

  • Considere incorporar prática para o Ajna chakra.

  • As posturas ideais para a lua nova são: Sirsasana, Tadasana, Viparita Karani, ou posturas de pernas na parede, Vrkshasana, Virabhadrasana III, Natarajasana e Garudasana.

  • Os temas de prática incluem: novos começos, definindo intenções, movimento suave


2- Lua crescente

Foque a atenção na construção de novos hábitos e abra seu corpo para novas possibilidades durante a lua crescente. A abertura suave do quadril para liberar emoções no corpo pode ser útil neste momento.


Como praticar durante a lua crescente:

  • Introduza a construção de força em sua prática.

  • Tente um fluxo um pouco mais energético para estimular o crescimento físico e mental.

  • Fique de pé com uma série mais longa de posturas em pé .

  • Pratique a respiração pranayama para aumentar o calor.

  • As posturas ideais para a lua crescente são: Dandayamana Janushirasana, Utkatasana, Virabhadrasana I, II e III.

  • Os temas de prática incluem: fogo e calor, construindo força, abertura

3- Lua quarto crescente

A lua do primeiro quarto é uma meia lua. Ocorre uma semana após a lua nova e uma semana antes da lua cheia. é quando os níveis de energia do corpo realmente começam a entrar em ação. Durante esta fase você é um construtor intencional de novas estruturas para si mesmo e para a sociedade e, caracteristicamente, exerce o máximo esforço para alcançar seus objetivos de trazer novas formas à realidade.


Como praticar durante a lua quarto crescente:

  • Comprometa-se com fluxos ousados ​​​​que geram calor no corpo.

  • Comece a transformar seus objetivos definidos em realidade durante a lua nova.

  • Introduza extensões da coluna e posturas que abrem o coração em sua prática para incentivar esse novo crescimento.

  • As posturas ideais para a lua quarto crescente são: Naukasana, Ardha Chandrasana, Bhujangasana.

  • Os temas de prática incluem: força, crescimento e esforço, limpar obstáculos, individualidade.

4- Lua crescente gibosa

Esta é a fase lunar logo antes da lua cheia. Este é o momento perfeito para expandir o corpo e a mente ao seu potencial máximo.


Como praticar durante a lua crescente gibosa:

  • É recomendado praticar enquanto a energia da lua está no seu máximo.

  • Incorpore movimentos dinâmicos e parecidos com dança em sua prática.

  • As posturas ideais para a lua crescente gibosa são: Saudações ao Sol, Saudações à Lua, Ustrasana, Natarajasana, Viparita Virabhadrasana.

  • Os temas de prática incluem: ação física, energia, abertura

5- Lua cheia

A lua cheia representa o pico de energia supercarregada. É também um momento de equilíbrio porque as energias yang solar e yin lunar estão em harmonia. Isso o torna ideal para reflexão. Este é um momento propício para refletir sobre o ciclo lunar até agora e reorientar seus objetivos.


Na prática do Ashtanga, os yogis se abstêm de praticar no dia da lua cheia.

Como praticar durante a lua cheia:

  • Concentre-se na meditação e manifestação enquanto a energia está alta.

  • Pratique Yoga restauradora ou yin durante esse período.

  • As poses ideais para a lua cheia são: Baddha Konasana, Balasana, Savasana, prática de yoga nidra.

  • Os temas de prática incluem: desapego, liberar e deixar ir, energia de cura feminina, consciência e iluminação.

6- Lua minguante gibosa

Há uma sensação de inquietação, às vezes desconfortável durante a lua minguante. Este é o momento perfeito para desacelerar e se tornar introspectivo.


Como praticar durante a lua minguante gibosa:

  • Experimente uma aula mais suave que traga alguma energia de volta à sua prática enquanto também prepara o corpo para começar a desacelerar e abraçar a energia lunar.

  • Pratique a transições consciente.

  • Cultive a interiorização, olhar para dentro de si.

  • As posturas ideais para a lua minguante gibosa são: Camatkarasana, Dhanurasana, Eka Pada Rajakapotasana,

  • Os temas de prática incluem: auto-reflexão, desacelerar, olhar para dentro

7- Lua quarto minguante

A lua minguante vem aproximadamente 1 semana após a lua cheia e 1 semana antes da lua nova. A próxima semana será sobre a entrega do ciclo lunar para limpar a mente para novas intenções com a próxima lua cheia. No entanto, o último ciclo pode ser um ótimo momento para se despedir de suas intenções com algumas práticas conscientes que abraçam suas intenções uma última vez.


Como praticar durante a lua quarto minguante:

  • Tente praticar fluxos lentos, expansivos e conscientes que usam a energia que você cultivou ao longo do ciclo lunar até agora.

  • Comece a incorporar cada vez mais elementos yin em sua prática.

  • As posturas ideais para a lua quarto minguante são: Chakravakasana, Upavistha Konasana, Parivrtta Ardha Chandrasana.

  • Os temas de prática incluem: render-se, reconhecimento, despedir-se

8- Lua minguante

Este é o estágio final do ciclo lunar antes de retornarmos à lua nova. Como Craig diz, deve ser um momento de contemplação. A realidade interior é apresentada através de sonhos e visões de vigília. É um terreno fértil para que as intenções da lua nova sejam conjuradas. Também é um ótimo momento para digerir e entender a sabedoria adquirida no último ciclo. Esta fase também é conhecida como “escuro” ou “balsâmico”.


Como praticar durante a lua minguante:

  • Desacelere sua prática com um fluxo de baixa energia ou uma prática restauradora.

  • Use adereços para apoiar seu corpo para que ele possa se soltar totalmente em poses yin.

  • Experimente práticas que tenham foco na digestão.

  • As poses ideais para a lua minguante são: Supta Matsyendrasana, Savasana, Supta Kapotasana.

  • Os temas de prática incluem: digestão, descansar e cuidar, reflexão e manifestação para o futuro.


Yoga é alinhar o corpo e a mente com os ritmos naturais do universo. Se você espera trazer um pouco mais de profundidade à sua prática de ioga, sincronizar sua energia com o ciclo lunar pode ser um ótimo lugar para começar.

1.085 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page