top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Navaratri - as nove noites

O Navaratri é um festival dedicado à adoração de shakti (o aspecto feminino de Deus) em suas três formas: Durga, Lakshimi e Saraswati. O termo Navaratri significa "nove noites" em sânscrito (nava = nove; ratri = noites). Durante estas nove noites e dez dias, são honradas nove formas de devi. Doze dias depois é festejado o festival das luzes – Diwali.



Durga surgiu da união de todas as forças dos devas (deidades) que não puderam vencer o demônio Mahisasura, que em forma de búfalo oprimia deuses e homens. Ela é representada montando um tigre ou um leão, tendo oito, dez ou doze braços, cada um empunhando uma arma. O veículo de Durga, (tigre ou leão) representa o “ego domado”.


Durante este período, os hindus seguem nove noites e dez dias de cerimônias, rituais, jejuns e festas em honra a Mãe Divina. O festival começa com o jejum de Navaratri, e termina com as festividades do décimo dia conhecido como Dusshera ou Vijayadashami.


Mãe é o nosso primeiro Guru, que nos guia no caminho da justiça, ela é a provedora de alimento para seus filhos, protetora de sua família e sustentadora do dharma e tradições. Honramos e veneramos estes princípios e nos dedicamos a honrar e respeitar estes princípios e valores humanos e espalhar alegria, amor, paz e felicidade no mundo.


Como nós ficamos nove meses no ventre de nossa mãe, antes de nascermos, nós tiramos esses nove dias para voltar a nossa fonte. Esses nove dias são para serem gastos em meditação, satsangs, silêncio e conhecimento. - Sri Sri


Navaratri purifica a consciência individual e universal, o meio ambiente e a criação de erradicar a miséria, tristeza e dor no mundo. Navaratri é dividido em conjuntos de três dias para adorar três diferentes aspectos da deusa suprema.


As nove formas de Maha Durga são adoradas com nove diferentes prasad ou bhog. Aqui estão as nove formas da Deusa Durga e o bhog especial oferecido a elas.


1. Deua Sailaputri – A Filha da Montanha

Deusa Shailputri é a primeira manifestação da Deusa Durga. Ela segura um Trishul em uma mão e um lótus na outra e monta um touro chamado Nandi. A deusa Parvati nasceu como filha do Himalaia e em sânscrito, Shail significa a montanha, por isso ela é conhecida como Shailputri. O que oferecer: Os devotos oferecem ghee puro no pé da Deusa Shailputri. Acredita-se que ao oferecer ghee puro os devotos são abençoados com uma vida livre de doenças e enfermidades.


2. Deusa Brahmacharini - A Asceta

O segundo dia de Navaratri é dedicado à Deusa Brahmacharini. A deusa anda descalça com um mala rudraksha em uma mão e um Kamandalu sagrado na outra. A forma meditativa desta deusa simboliza a Deusa Parvati quando ela se engajou em sua meditação profunda para agradar ao Senhor Shiva. O que oferecer: À Deusa Brahmacharini é oferecido açúcar para a longevidade dos membros da família.


3. Deusa Chandraghanta - Aquele cujo sino (brilha) como a Lua

O terceiro dia de Navaratri é da Deusa Chandraghanta. Ela é uma deusa feroz de 10 braços com uma lua crescente na testa, o que lhe dá o nome de Chandraghanta. Ela monta em um tigre para destruir todo o mal e perverso. O que oferecer: A deusa feroz está satisfeita com Kheer(arroz doce indiano). Ela é conhecida por afastar todas as dores.


4. Deusa Kushmanda - Aquela que tem calor no Ventre – representa a fertilidade

Chaturthi ou o quarto dia de Navaratri é de Devi Kushmanda. O nome Kushmanda é derivado de três palavras - 'Ku' (pequeno), 'Ushma' (calor ou energia) e 'Amnda' (ovo), que significa o criador do universo. O que oferecer: Os devotos oferecem Malpua (panqueca indiana) a Kushmanda para melhorar seu intelecto e capacidade de tomada de decisão.


5. Deusa Skandamata - Mãe de Skanda

Deusa Skandmata que é adorada no quinto dia também é conhecida como Panchami. Skandmata é uma divindade de quatro braços, que carrega um lótus em dois de seus braços com um Kamandalu sagrado e um sino nos outros dois. Ela também carrega um pequeno Kartikay no colo e por causa disso Kartikay também é conhecido como Skanda. Ela está sentada em um lótus. O que oferecer: A banana é a fruta favorita da Deusa Skandmata.


6. Deusa Katyayani - Representa a forma suprema, representa o poder

O sexto dia de Navaratri é dedicado à Deusa Katyayani, que é uma forma de Shakti. Também conhecida como a deusa guerreira, Katyayani é considerada uma das formas mais violentas da Deusa Parvati. Ela tem quatro braços e carrega uma espada. Ela é filha de Sage Katyayan e monta em um leão. O que oferecer: Os devotos oferecem mel como prasad a Devi Katyayani.


7. Deusa Kalaratri - A Noite Escura – representa a dissolução do cosmos

Saptami ou o sétimo dia de Navaratri é da Deusa Kaalratri. De acordo com as lendas, ela sacrificou sua cor de pele e abraçou uma pele escura para matar demônios. Ela é uma divindade de quatro braços que monta um burro, carrega uma espada, um tridente e um laço. Ela tem um terceiro olho na testa que acredita-se conter todo o universo.

O que oferecer: Ofereça Jaggery (açúcar de palmeira, muito confundido com rapadura ou açúcar de cana) como prasad a Devi Kaalratri para alívio de dores, obstáculos e trazer felicidade.



8. Deusa Mahagauri - A Imensamente Brilhante – representa o conhecimento

Durga Asthami ou os oito dias de Navaratri é dedicado à Deusa Mahagauri. Ela é uma divindade de quatro braços que monta um touro ou um elefante branco. Ela carrega um Trishula e um damru em suas mãos. O que oferecer: à Deusa Mahagauri é oferecido coco pelos devotos.


9. Deusa Siddhidhatri - A que confere sucesso – Mokṣa.

O nono ou último dia de Navaratri é da Deusa Siddhidhatri. Ela é projetada como uma divindade de quatro braços sentada em um lótus, segurando uma maça, disco e um livro e lótus em suas mãos. Esta forma da Deusa Durga significa perfeição. O que oferecer: Sementes de gergelim são oferecidas a Devi Siddhidatri para proteção e proteção contra eventos não naturais.


Outras formas de celebrar

O festival Navaratri pode ser festejado de forma diferente, sem a reverência das nove formas da Devi, reverenciando, ao invés, nas três primeiras noites, Durga, nas três noites do meio, Laksmi, e nas últimas três noites, Sarasvati.


  • Durga representa a coragem, a saúde, e é a consorte de Shiva. pedimos que ela elimine as dificuldades que existem em nossa mente.

  • Laksmi, representa a riqueza e a beleza e é a consorte de Visnu. pedimos a Mahalaksmi que traga a riqueza na forma de qualificações para nós.

  • Sarasvati representa as artes e a sabedoria, sendo a consorte de Brahma. pedimos meios para adquirirmos conhecimento.

A Deusa Sarasvati é adorada no 9º dia e no seu altar são colocados livros, instrumentos musicais e de trabalho. Até mesmo os ônibus, carros e máquinas caseiras são decorados e reverenciados neste dia.


No décimo dia, chamado dasara ou vijayadasamī, Sarasvati é homenageada mais uma vez e há uma cerimônia especial chamada Vidyarambha, quando as crianças pequenas iniciam sua alfabetização. Este dia é considerado auspicioso para o início de qualquer empreendimento.

324 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page