top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Maha Shivaratri - a grande noite de Shiva

Atualizado: 4 de mar.

Maha Shivaratri é traduzido como A Grande Noite de Shiva. É uma noite de significado espiritual especial e tem grande importância para os Yogis porque é o dia de Shiva, o primeiro Guru de quem se originou a ciência do Yoga.

Os praticantes costumam cantar mantras ou realizar meditação por mais horas neste dia e podem até criar sequências especiais ou dedicar a prática do dia a Shiva para honrá-lo. É O momento para os praticantes expulsarem a ignorância e se tornarem conscientes do Self e do universo. Celebrar Maha Shivaratri lembra os devotos da compaixão de Shiva, que não é apenas um destruidor, mas também um doador.


Esta noite é considerada uma das mais sagradas do ano no calendário hindu. Desperta o espírito interior e destrói todos os males do Ser. Os devotos permanecem acordados durante toda a noite, realizando pujas e orações, buscando a intervenção divina para lutar contra todos os males. A meditação é feita à noite com o objetivo de alcançar a autoconsciência.


Na cultura indiana, todas as orações antigas não eram para se salvar, se proteger ou melhorar na vida. Todas as orações antigas sempre foram “Ó Senhor, destrua-me para que eu possa me tornar como você”. Então, quando dizemos Shivaratri, que é a noite mais escura do mês, é uma oportunidade para dissolver sua limitação, para experimentar a ilimitada fonte da criação que é a semente em cada ser humano.


Ao contrário de muitos festivais hindus, Maha Shivratri não é um festival abertamente alegre. Esta é uma noite reservada para autorreflexão e introspecção com o objetivo de crescer e deixar para trás todas as coisas que impedem o nosso sucesso.


Para os ascetas, é o dia em que Shiva se tornou um com o Monte Kailash. Ele se tornou como uma montanha – absolutamente imóvel. Na tradição Yogi, Shiva não é adorado como um Deus, mas considerado como o Adi Guru, o primeiro Guru de quem se originou a ciência do Yoga. Depois de muitos milênios em meditação, um dia ele ficou absolutamente imóvel. Esse dia é Mahashivratri. Todos os movimentos dele pararam e ele ficou totalmente imóvel, então os ascetas veem o Mahashivratri como a noite da quietude.


Como é celebrado

Este feriado é celebrado em toda a Índia, Nepal, Bangladesh e outras partes do mundo com uma população hindu significativa.


O festival é realizado em fevereiro ou março no calendário gregoriano. No calendário hindu, ele vem na 13ª noite e no 14º dia do mês Phalunga ou Maagh (fevereiro ou março). A grande noite de Shiva difere da maioria dos festivais hindus, que são observados durante o dia. As orações e adoração de Shiva durante a noite devem comemorar a época em que Shiva “salvou o mundo da ignorância”, que é simbolizado pela escuridão.


No 14º dia do mês, os hindus jejuam o dia todo. O jejum é observado não apenas para obter as bênçãos do Senhor Shiva, mas também como um teste da própria determinação.


Próximas datas:

​ANO

DATA

DIA

2023

18 de fevereiro

Sábado

2024

8 de março

Sexta-feira

2025

26 de fevereiro

Quarta-feira

2026

15 de fevereiro

Domingo

Eles também oferecem flores, folhas de árvore de betel e frutas para Shiva. Entoam o mantra “Om Namah Shivaya” o dia todo e oferecem incenso, acendem velas cerimoniais, tomar banhos de água benta no Ganges ou em qualquer outro lugar, praticam meditação e realizada uma adoração especial ao lingam (símbolo de Shiva).

Lingam de Shiva

Uma versão menor da celebração, chamada simplesmente de Shivaratri, ocorre todos os meses no dia anterior à lua nova.


Lenda

Existem várias lendas por trás dessa grande celebração:

  • Alguns acreditam que este foi o dia em que Lord Shiva engoliu veneno que surgiu durante a agitação do mar para salvar o universo e ao consumi-lo usou seus poderes Yogis para segurá-lo em sua garganta, por isso seu pescoço é azul.

  • Outros acreditam que é o dia em que Shiva se casou com a deusa Parvati, que em essência significa a união das energias masculina (shiva) e feminina (shakti) que equilibram o mundo. Na cultura hindu, este é um festival solene que marca a lembrança de superar a escuridão e a ignorância na vida.

  • Também acreditam que é nesta noite que o Senhor Shiva realiza sua dança celestial conhecida como Tandava - uma dança que significa criação, preservação e destruição. Shiva aparece como o Rei (raja) do Dançarinos (nata). Ele dança dentro de um círculo de fogo, símbolo da renovação e, através de sua dança, Nataraja cria, conserva e destrói o universo. Essa dança representa o eterno movimento do universo que foi impulsionado pelo ritmo do tambor e da dança. Apesar de seus movimentos serem dinâmicos, como mostram seus cabelos esvoaçantes, Shiva Nataraja permanece com seus olhos parados, olhando internamente, em atitude meditativa. Ele não se envolve com a dança do universo pois sabe que ela não é permanente. Como um Yogi, ele se fixa em sua própria natureza, seu ser interior, que é perene.


Aula de Yoga – Uma noite mais importante para os Yogis

Lord Shiva também é chamado de Adi Yogi ou Adi Guru. Isso ocorre porque ele é considerado o primeiro de todos os Yogis e o professor original de Yoga. Assim, muitos praticantes de Yoga celebram o feriado de Maha Shivaratri para homenagear a divindade que os abençoou com a prática de Yoga.


Tandava, a dança cósmica da destruição é simbolizada por natarajasana (Postura do Deus Dançarino).


Neste dia, os praticantes entoam o mantra “Om Namah Shivaya” que significa reverência ao Senhor Shiva. Suas sílabas - Na, Ma, Shi, Va e Ya - simbolizam os cinco elementos: terra, água, fogo, ar e akasha, ou éter).


Além dos mantras e orações, os praticantes jejuam durante o dia até a manhã do dia seguinte. Os praticantes sentam em postura meditativa mantendo a coluna ereta durante a noite, imitando a postura de Shiva como Adi Yogi para que possam experimentar a onda ascendente de energia através dos canais ao redor da coluna.


Um dos fundamentos desse festival noturno é garantir que você permaneça acordado com a coluna ereta durante a noite para permitir que essa onda natural de energia encontre seu caminho.


As práticas regulares de yoga ajudam a sintonizar a mente para experimentar a poderosa energia do Shivaratri e promover a receptividade a essa energia.


Simbolismo na representação do Senhor Shiva


  • Tridente (trishula ) representa os três estados (vigília, sonho e sono profundo sem sonhos) e os três gunas ou qualidades da natureza ( sattva [harmonia ou sabedoria], rajas [energia ou paixão] e tamas [inércia, inação ou escuridão]) e mostra que Lord Shiva está além deles.

  • Terceiro olho (trikuti) representa a percepção divina ou sabedoria

  • Cabelo emaranhado (jata) representa Shiva como estando além das definições padrão de beleza e santidade

  • A lua crescente no cabelo representa a maestria ao longo do tempo

  • Ganges no cabelo representa o fluxo de conhecimento espiritual simbolizado pelo rio sagrado

  • Serpente em volta do pescoço representa o domínio do ego e Shiva além dos poderes da morte

  • Tambor (damaru) representa a criação e Om, a partir do qual todas as línguas são formadas

  • A pele do tigre representa o controle da luxúria

  • O pescoço azul representa a supressão do mal; Shiva consumiu veneno para salvar o mundo da destruição

  • As cinzas no corpo representam a natureza temporária do corpo.


“Todo o universo, animado e inanimado, vem de mim.

Tudo é visto através de mim.

Tudo vem descansar em mim.

Não sou diferente dela e nada neste mundo é diferente de mim. ”

—O Shiva Samhita

757 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Deusa Kali

Comments


bottom of page