top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

O que esperar de um retiro de Yoga

Atualizado: 15 de fev. de 2021

Não importa o quanto você ame a sua vida, seu trabalho, sua família e seus amigos... às vezes precisamos de um tempo só nosso. Então, buscando esse tempo só seu, você decide participar de um retiro de Yoga.


Seja qual for o seu objetivo (descansar, tirar um tempo para você, refletir, se aprofundar em sua prática de yoga e meditação, etc...) a insegurança bate, principalmente se essa for sua primeira vez. A insegurança é normal, pois você estará saindo da sua zona de conforto. Mas saiba que decidir participar de um retiro é uma forma linda de crescer. Você só pode crescer se estiver disposto a se sentir estranho e desconfortável ao tentar algo novo.


Abaixo algumas dicas de que você pode esperar dessa experiência:

"Para entender o mundo, é preciso se afastar dele ocasionalmente" - Albert Camus



Não crie expectativas

Primeiro, deixe de lado a ideia de um retiro perfeito. Afinal, estamos no samsara*, não no nirvana. A primeira tarefa é fazer as pazes com a realidade. O retiro ideal não é criado pelas circunstâncias, mas pela mente. Sempre que nos frustramos com algo a culpa está mais em nós mesmos do que no outro, pois a frustração é consequência de uma expectativa não cumprida.


Tenha uma intenção

Dedique-se completamente. Sem intenções vacilantes! Seja intencional com o seu tempo. Isso não significa aumentar a pressão sobre si mesmo para alcançar metas ambiciosas, mas sim refletir em como você deseja aproveitar esse seu período de "retirada". Fortaleça essa intenção na sua mente e no seu coração e aproveite o momento presente.


Esteja preparado para se encontrar consigo mesmo

Participar de um retiro não é uma decisão que pode ser tomada de uma hora para outra. Você precisa estar preparado para lidar com você mesmo, com sua mente e com seus pensamentos. Isso pode ser desafiador e assustador para alguns. Muitos de nós não temos intimidade com nós mesmo. Não nos conhecemos, não sabemos quem realmente somos pois nos desconectamos da nossa essência.


Saia da zona de conforto

Seja por um novo estilo de Yoga, comida diferente, novas pessoas com ideias diferentes das suas ou períodos mais longos de meditação com os quais você não está acostumado, é provável que o retiro apresente algumas situações desconfortáveis, além dos momentos mágicos. Como eu disse no início do texto, não há crescimento na zona de conforto, então tente abraçar e absorver qualquer coisa que pareça desconfortável ou diferente. Você pode se surpreender com o quanto aprende com isso.


Aproveite o momento presente

Estar presente traz novos níveis de consciência e prazer. Muitas coisas podem surgir durante um período de tempo longe da sua rotina habitual, especialmente quando você pratica Yoga e meditação - idéias, inspiração, insights e novas perspectivas. Muitas pessoas optam por manter um diário para ajudá-las a refletir sobre tudo. Você pode anotar as coisas que ocorreram durante a meditação, os sonhos que teve e como se sentiu durante e após as práticas de Yoga. Você também pode experimentar maior clareza mental, confiança, auto-aceitação ou criatividade.


Avançando e se aprofundando na prática de Yoga

Muitas pessoas procuram um retiro na esperança de se aprofundarem e avançarem na prática de Yoga. Esse é um objetivo nobre, mas vale lembrar que Yoga é muito mais do que realizar posturas dignas do Instagram. Quando você mergulha nas práticas de Yoga e meditação, pode se conectar a um nível muito mais profundo e, confie em mim, isso geralmente é mais especial do que dominar as invertidas e outras posturas mirabolantes.



* Samsara - no budismo, é o constante futuro, um encadeamento trágico de causas e efeitos que conduz sempre ao sofrimento e à dor. Uma série ininterrupta de mutações a que a vida é submetida, espécie de ronda infernal de que o indivíduo só se liberta quando alcança o nirvana.

*Nirvana - extinção definitiva do sofrimento humano alcançada por meio da supressão do desejo e da consciência individual.

311 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page