top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Diwali - Festival das Luzes

Atualizado: 5 de nov. de 2023

O Diwali é um grande feriado indiano, conhecido como Festival das Luzes, comemorado também em outros países com grande população indiana ou hindu como Nepal, Sri Lanka, Singapura, Malásia, entre outros.

O festival celebra a luz triunfando sobre o escuro, ou o bem sobre o mal, e o conhecimento sobre a ignorância.

É um importante festival não só para o hinduísmo, mas também para o sikhismo, o budismo e o Jainismo.

Diwali é um festival de 5 dias. As principais festividades acontecem no terceiro dia.

1º dia

Dhanteras

Dia auspicioso para comprar ouro e joias. Adoração ao Lord Dhanvantari, o deus da medicina e da saúde.

2º dia

Choti Diwali

As pessoas adoram o Senhor Hanuman e a Deusa Kali. É também um dia para limpar a casa e se livrar de coisas velhas e indesejadas.

3º dia

Diwali

O dia principal do festival. Neste dia, as pessoas adoram a Deusa Lakshmi, a deusa da riqueza e da prosperidade. Acendem luzes e velas.

4º dia

Govardhan Puja

Ofereça orações a Shri Krishna

5º dia

Bhai Dooj

As irmãs aplicam tilak (marca vermelha) na testa dos irmãos e rezam pelo seu bem-estar. Os irmãos, por sua vez, dão presentes às irmãs.

Como é comemorado o Diwali?

As casas são limpas, renovadas e decoradas em preparação para a boa sorte no próximo ano. Roupas novas, doces e pequenos presentes para amigos e familiares são comprados. No terceiro e principal dia do festival, muitas pequenas lâmpadas de barro (chamadas diyas) e velas são acesas e colocadas nas janelas e portas das casas, dando a Diwali o nome de “Festival das Luzes”.


A maneira mais fácil de comemorar o Diwali é acender lanternas e velas na frente de sua casa.

Para os hindus, Diwali sinaliza o retorno de Rama (o senhor da virtude e uma importante divindade hindu) ao seu reino depois de ser exilado por 14 anos. Como diz a lenda, um demônio sequestrou a esposa de Rama, Sita. Rama viajou com outra divindade dedicada, Hanuman, que assume a forma de um macaco, para resgatá-la. Quando eles voltaram para casa vitoriosos, seu reino foi iluminado com lâmpadas para celebrar. A história é um épico sânscrito conhecido como "Ramayana".


Aqueles que seguem o jainismo, Diwali comemora um asceta respeitado chamado Mahavira que é creditado com a reforma da fé, e atingiu um estado de nirvana depois de morrer.

No sikhismo, Diwali cai no aniversário de quando o Guru Hargobind foi libertado da prisão em 1619. Guru Hargobind foi o sexto de 10 gurus sikh e fundou a tradição militar.

E para os budistas, esse dia se chama Ashok Vijayadashami e representa quando um governante indiano esclarecido, o imperador Ashoka, abandonou a violência para assumir um caminho pacífico.


Em um nível pessoal, Diwali é um momento de introspecção, para contemplar e dissipar a escuridão da ignorância. Deixe a luz brilhar dentro de você e seja também essa luz, espalhando positividade pelo mundo!

301 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Коментарі


bottom of page