top of page
  • Foto do escritorNathalia Morgana

Jogadores da NFL se beneficiam da prática regular de Yoga

Atualizado: 16 de jan. de 2022


Quando você pensa em praticantes de Yoga, vem à mente aquele estereótipo de uma pessoa magra, calma e flexível. Mas isso não é verdade. Yoga é para todos, e nos últimos anos a presença do Yoga tem crescido na NFL.


Os grandes e musculosos jogadores de futebol americano estão procurando a prática de Yoga para ajudar no rendimento durante a partida.

A prática de Yoga melhora muito mais do que simplesmente a flexibilidade, foco e equilíbrio. O Yoga trabalha fortalecendo as articulações dos cotovelos, punhos, joelhos, tornozelos, ombros e quadris, estimulando a produção do líquido sinovial, que tem função lubrificante das cartilagens e ossos. O Yoga também mantém os músculos flexíveis e permite que eles se recuperem mais rapidamente e reduz as chances de se lesionar.

A proposta do Yoga para atletas de elite é trazer maior consciência corporal, técnicas de respiração, relaxamento da mente e aquietação dos pensamentos. Ao incorporarem todas essas técnicas, esses esforços conscientes inegavelmente dão aos atletas uma vantagem competitiva.


Em 2012, o treinador do Seattle Seahawks, Peter Carrol, incorporou o Yoga como atividade opcional aos jogadores e eles gostaram tanto que a equipe decidiu torná-la uma parte obrigatória dos treinos de jogadores. Além do Yoga, Carroll, incentiva seus jogadores a meditar diariamente. Esses hábitos saudáveis melhoram a clareza e resistência mental, a atenção plena e desenvolvem a capacidade de um atleta de permanecer relaxado durante uma competição intensa.

Gwen Lawrence, fundadora do Power Yoga for Sport, ensina yoga para atletas há 25 anos e ensinou os Giants por mais de uma década sob o comando do ex-técnico Tom Coughlin. Enquanto Gwen trabalhava na força dos membros superiores e coluna - rotação da coluna vertebral - para um quarterback, ela se concentrava mais no pescoço, quadris e pulsos para um atacante.

Os Giants, Jacksonville Jaguars, New Orleans Saints e Chicago Bears oferecem Yoga aos seus jogadores em dias de recuperação, outros praticam como atividade em equipe: os Chargers, Cleveland Browns e Dallas Cowboys.Muitas equipes ainda não adotaram o Yoga, mas seus jogadores praticam individualmente, incluindo o linebacker Brandon Marshall, do Denver Broncos; Steven Hauschka, do Buffalo Bills; Sam Darnold, quarterback do New York Jets; Leonard Williams, o atacante defensivo do New York Jets; Davis Webb o quarterback do Giants; Chad Wheeler o atacante do New York Giants; Victor Cruz, ex-wide receiver para o New York Giants.

Muitos atletas profissionais declararam publicamente seu amor pela Yoga e chegaram a atribuir certas melhorias à prática.


O quarterback dos Buccaneers, Tom Brady, ganhou duas vezes mais jogos de playoffs do que qualquer outro quarterback da NFL. Ele quase nunca parece apressado ou reativo, em nada, pelo contrário, ele é superconsciente de sua energia e prioriza a conservação do seu estado mental. Seu regime de treinamento de “flexibilidade” com Alex Guerrero aparentemente se tornou uma abordagem holística que combina ensinamentos toltecas, meditação e Yoga.

Photo by Peter Yang

102 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page